Em que idade devo começar a ensinar?

Há quem invista em conteúdos acadêmicos desde cedo. Apostam na platicidade cerebral dos 2, 3 e 4 anos e fazem uma agenda vasta de ricas atividades dirigidas. São mães educadoras que desfrutam do tempo com seus filhos pequenos construindo memórias doces envolvidas em projetos de ciências, pintura e colagens. Há quem prefira começar mais tarde e que percebeu que ao ensinar depois dos 7 anos terá uma criança mais interessada e que aprenderá em instantes o que levaria meses para perceber se fosse mais nova. A infância corre ligeiro e em instantes acaba. Quando mais a criança terá dias longos, livres, cheios de surpreendentes descobertas e fantasias no quintal? O filho sempre teremos, mas a criança se vai. Quando nos detemos para observá-los descobrimos que aprenderam o tempo todo e quaisquer das perspectivas são válidas, pois a beleza do Homeschooling é ser desenhado conforme as prioridades de cada família. Com o passar dos anos e o ganho de experiência, nosso Homeschooling também foi adquirindo nuances e ficando cada vez mais tranquilo e personalizado. Abandonamos algumas práticas que no começo pareciam fundamentais e agregamos outras que nem imaginávamos que poderiam funcionar. Ensino meus filhos a ler e a contar aos 4 anos. Bem devagarinho. 10 minutos por dia. Nada de métodos trabalhosos. E cada um avança conforme as próprias características. Mergulhamos aos poucos no mundo da leitura, mas sem tropeços nem afobações. Lembrando que o ouro da educação domiciliar é construir uma atmosfera interior de harmonia e amor pelo aprendizado. Não é uma corrida em busca da criança prodígio. Mas uma estrutura de vida que permita nutrir principalmente um bom caráter.

Deixe uma resposta