Como ensinei Língua Portuguesa para Felice em 2015

Ao longo desse ano Maria fez grandes progressos em sus conhecimentos de Língua Portuguesa. Aprendeu a ler com fluência, tem grande interesse por literatura infantil, mas não se interessa muito por livros mais longos. Estamos encontrando um pouco de dificuldade com a concentração. Trabalhos extensamente os exercícios de ditado, cópia e entendimento de texto com o material da Professora de Papel. Maria gosta muito de ler e ilustrar as frases. Também progrediu muito na caligrafia. Empregamos o caderno de exercícios da Seton Press nessa tarefa e tivemos excelentes resultados. Maria se encanta com a beleza e gosta de caprichar em atividades que envolvam coordenação motora fina. Porém não conseguimos gerenciar adequadamente o tempo e muitas vezes gastamos muita energia nessa atividade. Fizemos uso do livro Caminho Suave para progredir nas atividades de gramática e também do livro Descobrindo a gramática. Maria tem mais interesse na apresentação lúdica do segundo material. Mas não percebo muito progresso na ortografia. Percebo muita imaturidade para lidar com as atividades do livro Caminho Suave. Iniciamos o trabalho com as fábulas de La fontaine em verso. Maria aprendeu a fazer uso do dicionário. Mas ainda enfrenta uma grande antipatia por exercícios que façam uso de vocabulário fora do comum. Nossos momentos de alegre deleite são as atividades de leitura em voz alta e exercícios de narração. Essas atividades são muito alegres e envolventes para ela. As construções de textos orais estão surpreendendo pela expansão do vocabulário e da capacidade de memorização. Além disso avançamos na memorização dos poemas de Cecília Meireles. Maria tem escolhido os livros que quer ler por diversão com muita alegria em nossos passeis em livrarias. Mas não se sente motivada com os textos de Monteiro Lobato que oferecemos. Seguimos lentamente e com firmeza. Fizemos um ano muito produtivo e alegre.

Deixe uma resposta